Páginas

Pesquisar este blog

EI VOCÊ VENHA SEGUIR TAMBÉM!

segunda-feira, 27 de julho de 2009

ROBERTO BRUM X WANDERLEY LUXEMBUGO OU ROBÉRIO DE OGUM X EVANGÉLICOS?





Futebol não é o assunto deste blog, mas neste último fim de semana um assunto nesse meio vem dando o que falar: a birra entre o técnico do SantosWanderley Luxemburgo e Roberto Brum na derrota do Santos para o Flamengo no Maráca por 2x1.

Tudo aconteceu ao que parece após o volante Brum ter levado um cartão amarelo, que no caso é o seu terceiro e o tira do próximo jogo. Isso é o que está POR CIMA. Mas, POR BAIXO, dizem que o pivô do negócio é o espírita Robério de Ogum, ex-conselheiro do Luxa e ainda muito amigo dele. Este “vidente” teria dito que o Roberto Brum (que é evangélico e garante que já curou lesão com oração estava sendo um entrave no time, e trazendo energias negativas para o mesmo. Veja as palavras do Robério:

O Roberto Brum tende a ser líder, mas não é. E por querer ser atrapalha o grupo. Se o Vanderlei quiser ser campeão, ele vai ter de fazer uma limpa nessa patota. Quando a pessoa está perturbada espiritualmente isso (discussão) realmente acontece. Que culpa eu tenho de saber que isso iria acontecer.

Não tenho nada contra ele, só estou falando espiritualmente da situação que ele vive. Em nenhum momento falei do homem Roberto Brum. Acho que ele deve se proteger, se cuidar e continuar a carreira dele. Que fique claro que não tenho nada contra religião alguma. Fui casado com uma evangélica. Hoje, acredito que todas as religiões são boas. Não tomei um café com ele pois não tivemos oportunidade, mas um dia teremos – completa” (Aqui)

O que se sabe e o que se viu, foi que Wanderley ficou uma fera, não apertou a mão que o jogador lhe estendeu ao sair do campo, e ainda deu-lhe um safanão. Ouvido o treinador disse:

A atitude do Brum de falar com o árbitro foi inoportuna. Isso não pode acontecer. E comigo, quando estou no comando, tem quem manda. Vou conversar com a diretoria e pedir uma punição, pois esta não é uma atitude correta de profissional”. (Aqui).

Até agora a polêmica segue sem solução e espera-se o que vai acontecer nos próximos dias. Será que Wanderley vai limpar a “patotinha”? A perseguição é porque o jogador é evangélico? Se for aí sim, a coisa muda de figura.

Em entrevista a ao programa Mesa Redonda da Tv Gazeta, assistido por este blogueiro que vos escreve, surgiu o assunto que o jogador comandava um culto de oração com os outros atletas evangélicos do Santos e que estaria sendo proibido de tal prática. Enfático, o jogador se disse perseguido, mas disse que a mão de seu Deus era mais forte. As pergunta que ficam são: É proibido orar nos Santos? Está Luxemburgo seguindo as orientações do Espírita de Ogum? Se for proibido orar porque a equipe usa o nome “Santos”? A quais Santos se refere? Será este mais um caso de perseguição aos evangélicos? Onde estão os outros atletas evangélicos do Santos neste caso?

Bem, espera-se que tudo se esclareça e que não seja o caso de proibição de um atleta exercer sua fé em Jesus Cristo como já se preconiza. Se o atleta for afastado e nenhum motivo sério for apresentado para tal, pode ser que realmente se confirme o caso de perseguição religiosa. E aí deve se questionar porque se persegue o evangélico, mas admite-se o espírita, vidente, praticante de religião afro, ou o que quer que este robério seja. A todos fica a seguinte advertência:"Horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo" (Hb. 10:31), não brinquem com fogo, Ele queima.

14 comentários:

Meire disse...

O Brum errou por tanta reclamação com o árbitro, mas gostaria que as pessoas analizassem imagens antigas do Luxa e imagens atuais. O jeito dele é muito estranho, e não tenho como não falar que ele é pertubado. Um homem que tem como guia espiritual o Robério de Ogum está com problemas sérios.
E Afinal, quem manda: o Luxa ou o Roberio?
Vale lembrar que o Luxa saiu do Palmeiras porque implicou com outro jogador evangélico: keirrison.

JOELSON GOMES disse...

Hum Meire, não sabia que no Palmeiras tb tinha evangelico no meio. OBg pela visita e pela informação.

Rev.Ronaldo P. Mendes disse...

Parabéns pelo blog. Deus o abençoe.
Entre no meu blog SOLUS CHRISTUS e pegue o selo para o seu blog.

http://somente-jesus.blogspot.com/

Ovidio disse...

"Se for proibido orar porque a equipe usa o nome “Santos”? A quais Santos se refere?" Esse comentário não foi legal. Santos é o nome da cidade onde o time nasceu, nada a ver com religião. É a mesma coisa que achar que o Tricolor Paulista é um time de devotos de São Paulo apóstolo. Outra coisa: vamos tentar não cair no mesmo erro do Brum, criar uma guerra religiosa onde só há a manifestação de características 100% humanas, que sejam, inveja, ciúmes, arrogância, violência ("a mão do meu Deus é pesada", ouvi o Brum dizer na TV), etc.

JOELSON GOMES disse...

Ovidio, a cidade de Santos tem esse nome pq se refere a SANTOS religiosos. O Santos ao tomar esta nomenclatura, tacitamente apoia o designativo, logo a relação é estabelecida, coo tb o São Paulo. Sim a relação não é estreita, mas não pode ser negada.
Obg pela visita, volte sempre.

Maya Felix disse...

Rapaz, mas que coisa! Só Jesus na causa! Pode ter ogum, oxum, mussum, não interessa: ninguém se levanta contra Aquele que É! E se se levanta, é para cair!

Olá, estou te visitando, com o link de seu blog que vc mandou pelo twitter! Obrigada! Vc tem o CD do Grupo Logos? Vc não imagina minha alegria, ao ler seu recado! Tenho um blog também, o http://mayafelix.blogspot.com, e um e-mail, mayalu71@hotmail.com. O que vc acha de trocarmos banners e links, em parceria entre nossos blogs?

Me mande uma resposta e me diga como eu poderia entrar em contato com vc, para adquirir esse CD!

Umm abraço, a Paz de Nosso Senhor com vc e sua família!

Maya

:)

vladimer disse...

Assisti a entrevista do Brum na Gazeta, ele disse que essa história de orar alto durante a noite na concentração não é verdade e inclusive os outros jogadores estão indignados contra esse jornalista que escreveu o artigo.
Parece que a perseguição não se restringe apenas ao Vanderley, Robério de Ogum mas tem um jornalista encapetado que aparentemente segue a mesma entidade.
Concordo com o que foi postado acima, o Vanderley ou Wanderley realmente parece alterado, lamentavelmente já não é o mesmo.
Se o Luxa estiver lendo este Blog, gostaria de dizer que essa capacidade de ser um grande técnico de futebol foi Deus que lhe deu, voce não precisa de nenhum Ogum para ser vencedor, aliás se quiser realmente ser vencedor é só com Jesus.

leandrokdeira disse...

Vi a entrevista do brum na Gazeta,me passou mta prepotência com essa história de "sentir o peso da mão de Deus",nao sirvo a esse deus.Nao vamos criar essa guerrinha religiosa por causa de nada.
abraços e fiquem na paz de DEUS aquele que é AMOR!

Josiel disse...

Amigos, esse é mais um dos casos em que ninguém quer se meter, será porque tratamos com pessoa notória . Creio ser meio complicado, pois do outro lado temos uma pessoa de cárater duvidoso, atitudes nefastas, sem contar os inumeros processos na justiça .Roberto Brum, apesar da maneira debochada como trata as coisas de DEUS...deve assumir essa briga e esclarecer de uma vez por todas os reais motivos do deu afastamento, será que ele teme o "todo poderoso" ou espera ser perdoado por ele e acatar as ordens do Señor Lux, e se houverem mais pessoas que se calaram diante disso é porque realmente o lugar não é prá ele ( Brum ).

Mitch disse...

Vamos orar para o Irmão Brum, pois ele disse que foi DEUS quem o colocou no Santos, e nós sabemos que a porta que DEUS abre ninguém fecha.

Existe realmente a possibilidade de ser uma coisa no nível profissional, a atitude de Brum como jogador não foi boa, sendo evangélico ou não, mas por tudo que ele já fez pela equipe no ano passado e este, ele merece uma chance, nem que seja para ser reserva do Emerson ou jogar ao lado dele.

Tem evangélicos no Palmeiras, sim, o Pierre.
Agora, Meire, Luxemburgo ficou indignado com a saída do Keirrisson para o exterior, ele não aprovou a atitude da Diretoria de vendê-lo.

Sendo perseguição religiosa ou desacordo no trabalho temos de orar pelo Brum, pois ele é irmão, e convém orarmos uns pelos outros.

Quanto ao nome do Santos, tudo é santo para quem é santo.
Se refere ao nome da cidade, que se fosse Corinto, ou Roma, teria este nome (já pensou corintioskkk) lógico que todo clube tem tradição religiosa católica, pois na época em que foram fundados o catolicismo era predominante em todos os setores, mas permance como tradição

Estrela disse...

POBRE WANDERLEY QUE DESRESPEITA O JOGADOR ROBERTO BEUM DE UMA FORMA TAO COVARDE. QUE DEUS TENHA MISERICORDIA DELE POR TANTA INJUSTIÇA!!!
SEI QUE O BRUM E UM VENCEDOR E O MUNDO TODO VAI VER VITORIAS QUE VEM DO ALTO PARA ELE.

Estrela disse...

POBRE WANDERLEY QUE DESRESPEITA O JOGADOR ROBERTO BEUM DE UMA FORMA TAO COVARDE. QUE DEUS TENHA MISERICORDIA DELE POR TANTA INJUSTIÇA!!!
SEI QUE O BRUM E UM VENCEDOR E O MUNDO TODO VAI VER VITORIAS QUE VEM DO ALTO PARA ELE.

JOSÉ ALEXANDRE disse...

Lamentável, um ''PAGÃO'' como o Luxemburgo (Macumbeiro!!!) usar sua autoridade e afastar um bom atleta, homem de Deus, apenas por ser evangélico, mais dia menos dia o Luxemburgo cai, isso é fato, pois o mesmo está afundando o Santos, essa é a realidade!! FORA LUXEMBURGO!!

Guto disse...

Olá gostaria de deixar uma sugestão ao irmão que postou essa interessante matéria em seu site, que continuasse a colocar noticias referente a Roberto Brum, dizem que ele esta triste e treinando sozinho, ele tem investimentos na cidade de Santos e até tinha matriculado os filhos na escola agora sua situação esta incerta por causa do vandeley e seu pai de santo. Paz do Senhor

NÃO PARE AQUI VÁ PARA OS TEXTOS MAIS ANTIGOS.