EI VOCÊ VENHA SEGUIR TAMBÉM!

PARA ACHAR UM ASSUNTO ESCREVA A PALAVRA AQUI

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

O NOME DE DEUS É JEOVÁ?

Por Joelson Gomes

Texto base: Êx. 3. 13-15

Texto áureo: Mt. 6.9

Objetivo da lição: ao término da lição o aluno conhecerá os nomes genéricos e específicos de Deus, saberá os nomes pelos quais Deus é chamado no AT e no NT, e responderá se o nome Jeová deve ser aplicado a Deus ou não.

A Biblia na semana:
Seg. Mt. 6.9-15
Ter. At. 4.23-31
Qua. Mt. 18. 9-14
Qui.Sl. 53
Sex. Sl. 61
Sab. Sl. 67
Dom. Êx. 3.13-15

INTRODUÇÃO

Nós costumamos chamar o Eterno Criador de “Deus”, mas este não é seu nome, pois a palavra “Deus” é um titulo, como advogado, médico, etc. Podemos chamar o eterno apenas por um título? Qual seria então o nome desse Ser chamado Deus? O nome de dEle seria Jeová como insistem os “Testemunhas de Jeová”?
Quem não já teve que ouvir de um membro desta seita que os crentes não sabem o nome de Deus, e que só eles usam o nome do Criador? Alguns até ficam sem saber o que dizer quando um Testemunha de Jeová lhe mostra o Salmo 83.18. Corremos o risco de estar chamando Deus por um nome impróprio?
 Nesta lição estudaremos os nomes que a Bíblia apresenta para o Criador tanto no AT como no NT, aprenderemos seus significados, e saberemos mais sobre a personalidade do próprio Eterno ao saber os nomes que Lhe são atribuídos nas Escrituras. Você já teve aquela vontade de dar uma resposta bem dada a um Testemunha de Jeová, quando ele vem falando sobre o nome de Deus? Então preste muita atenção neste estudo. Mãos à obra.


I-                   Os nomes genéricos do Criador no AT

a)      Os nomes genéricos do Criador. Estes nomes são chamados genéricos porque são também aplicados também a divindades falsas no A.T. Isto acontece por causa da língua; quem usa a palavra deus em português pode está se referindo ao Deus da Bíblia ou não. Usamos esta palavra para o Deus verdadeiro e para deuses estranhos porque não temos outra palavra para “deus”, era assim também com as palavras a seguir, elas eram aplicadas ao Criador do universo e para os deuses estranhos dos povos da época.

b)      El (Gn. 33. 20). O Geseniu’s Hebrew and Chaldee Lexicon nos dá para esta palavra a significação de: forte, poderoso, poder, força (Gn. 31. 29; Is. 9. 5; Ez. 31.11). E diz que a palavra é usada em geral para nome do Deus do céu, mas pode ser também aplicada a ídolos (Ex. Sl. 81.10; Dn. 11. 36). (TREGELLES, Samuel Prideaux. Geseniu’s Hebrew and Chaldee Lexicon, p. 45).

c)      Elohim (Gn. 1.1). Esta palavra pode ser o plural do nome divino El, que provavelmente deriva da raiz hebraica ‘wl, com o significado de preeminência. Alguns autores dizem que esta palavra é o plural de Eloah.  É usado também para designar uma divindade, uma aparição divina (1Sm. 28.13), ou homens com autoridade (Êx. 21. 6; Sl. 8.5; 82. 6). Com o artigo definido significa o Deus Criador único e verdadeiro (1Rs. 18. 21, 37).

d)      El Elyom (Gn. 14. 19-20, Nm. 24. 6; Is. 14. 14) Significa aquele que é sublime, exaltado.


II-                Nomes específicos do Criador no AT.

a)      Os nomes específicos são: Adonay, El-Shaday, Iahweh. Estes nomes são chamados específicos porque nas Escrituras aparecem aplicados somente ao Deus verdadeiro.

b)      Adonay (Gn. 18. 3; Is. 3. 18; 6.1). Significa o Senhor; o Soberano, a quem tudo está sujeito, e com quem o ser humano se relaciona como servo.

c)      El-Shaday (Gn 17.1; Ex. 6.3). Descreve Deus como o possuidor de todo poder na terra e no céu. A natureza, a criação, tudo está sob seu controle.

d)      YHWH (יהוה) (Ex. 6.3). Este é o nome que mais vezes aparece na Bíblia aplicado a Deus (6.828 vezes na Bíblia Hebraica de Kittel e na Bíblia Hebraica Stuttgartensia que são os textos hebraicos usados no mundo hoje). O hebraico bíblico do A.T. é composto apenas de consoantes não tendo vogais, e YHWH são as letras hebraicas que compõem o nome pessoal de Deus no A.T. Temendo descumprir o terceiro mandamento: “Não tomarás o nome de (YHWH), teu Deus em vão” (Ex. 20.7), os leitores antigos da Bíblia evitavam pronunciá-lo, substituindo o mesmo na leitura pala palavra Adonay (Senhor). Os sinais vocálicos da palavra Adonai eram colocados entre as consoantes que representavam o nome divino: YHWH. Com esta prática a pronúncia do nome de Deus se perdeu. Os eruditos bíblicos hoje, em sua maioria, usam a palavra Iahweh (Javé), e dando a razão histórica para isso diz a Comissão de Tradução, Revisão e Consulta da Sociedade Bíblica do Brasil:

Teodoreto, pai da igreja, da escola de Antioquia, falecido em 457 d. C. afirma que os samaritanos, que tinham o Pentateuco em comum com os judeus como Escrituras Sagradas, pronunciavam o nome o nome de Deus assim: Iabé (trocando o V pelo B). Clemente, da escola de Alexandria, falecido antes de 216 d.C. transliterava “a palavra de quatro letras” por Iaové. Também os papiros mágicos egípcios, que são do final do terceiro século d.C., dão como cera a pronúncia cima referida, a de Teodoreto (Iabé) (A Bíblia no Brasil, n° 188, p. 24).

            Assim, mesmo com a incerteza que há para a pronúncia deste nome, o que se pode afirmar com segurança é que Jeová nunca foi a transliteração ou tradução do nome de Deus (YHWH) no A.T., esta palavra é uma invenção da Idade Média. Portanto, o grupo religioso chamado “Testemunhas de Jeová” é fundamentado sobre um nome falso, nome que não aparece nas Escrituras Sagradas.

Veja o que diz um livro de cultura judaica:

Um termo final que gera confusão é Jeová como o nome bíblico de Deus: Jeovah provém provavelmente de uma tentativa inadequada de combinar as consoantes hebraicas HWH, que originalmente podem ter sido pronunciadas Yahveh, com as vogais de Adonai, nome hebraico do Senhor, que foram sobrepostas a YHWH. Nos tempos pós-bíblicos, YHWH ou Yahveh foram substituídos por Adonai, quando, como sinal de temor e respeito, o Nome inefável não foi mais pronunciado por judeus (Robert M. Seltzer. Judaica- O Povo Judeu, Pensamento Judaico I, p. 3).

Os próprios livros das Testemunhas de Jeová reconhecem que a palavra Jeová não é o nome de Deus que aparece na Bíblia. Eles escrevem em um de seus livros:

O hebraico era escrito sem vogais. Assim, não existe maneira de saber com exatidão como Moisés, Davi ou outros dos tempos antigos pronunciavam as quatro consoantes... que constituem o nome divino. Alguns eruditos sugerem que o nome de Deus possa ter sido pronunciado “Javé” ou “Iavé”, mas eles não podem ter certeza. A pronúncia portuguesa “Jeová” ou “Jehovah” já é usada há séculos, e o equivalente em muitos idiomas amplamente aceito hoje (Conhecimento Que Conduz a Vida Eterna. p. 24).

Observe que o argumento usado por eles para usar o nome Jeová, é porque este é um nome muito aceito no mundo, e não porque está ele baseado nas Escrituras, nem na língua hebraica. Ainda sobre esta palavra Jeová, diz a Comissão de Tradução, Revisão e Consulta da Sociedade Bíblica do Brasil:

Esse (Jeová) não é, portanto, o nome do Deus de Israel. O Jerome Biblical Comentary chama “Jeová” de um “não-nome” (77:11), e o Interpreter’s Dictionary of the Bible o chama de “nome artificial”(s.v Jehovah). O Lexicon in Veteris Testamenti Libros, de Kochler – Baumgartner (s.v YHWH), chama a grafia “Jeová” de “errada”, e defende como “correta e original’ a pronúncia “Yahweh” (A Bíblia no Brasil, n° 188, p. 23).


III-             O Novo Testamento (N.T.) e os nomes de Deus.

O N.T. tem alguns equivalentes gregos (a língua do N.T.), para os nomes de Deus que aparecem em hebraico no A.T. Observe com atenção:

a)      El, Elohim e Elyom.  Quando estes nomes aparecem no hebraico o N.T. grego usa a palavra Deus como equivalente, que é também uma palavra genérica. O equivalente de Elyom (Deus altíssimo) encontra-se na expressão Theou tou Hupsistou (Mc. 5.7; At. 16.7; Hb.7.1). Shadday e El-Shadday (Todo-Poderoso, Onipotente) é traduzido no N.T. por Pantokrator; Theos-Pantokrator (2Co. 6.18; Ap. 1.8; 4.8;11.17; 15.3; 16.7,14).

b)      Quanto encontra o nome Yahweh o N.T. segue a Septuaginta (a tradução do A.T. para o grego feita no sec. III a.C.) que traduz esta expressão por Kyrios (Senhor), que deriva de força, poder. Este nome não tem exatamente a mesma conotação de Yahweh; mas designa Deus como o Poderoso, o Senhor, o Possuidor, o Regente que tem autoridade e poder legal (Hb. 1.10; 8. 8-11), Cristo também recebe este nome (Jo. 20. 28; 1Co. 8. 6; Ap. 17.14).

c)      Também encontramos Deus sendo chamado de Pather (Pai) no N.T. O A.T. já chamava Deus assim para designar a relação de Deus com Israel (Dt. 32. 6; Sl. 103. 13), e o N.T. usa a expressão para demonstrar Deus como o Originador ou Criador de tudo (1Co. 8. 6; Ef. 3. 14-15; Tg. 1. 17).

d)      Exemplos de tratamento do NT. Jesus Cristo que sabia o nome de Deus quando se dirigiu a Ele nunca O chamou pelo nome, mas sempre O chamou de “Pai” (Mt. 6.9; Lc. 23. 46; Jo. 17.1, 5, 11, 25). Os crentes de Israel ao orar ao Criador tratavam-nO como Deus (Lc. 18. 10-13). A Igreja em oração quando se dirigiu a Deus em Atos 4. 24, 29 chamou-O de “Soberano Senhor”. Ao se referir ao Pai os irmãos também O tratavam de “Deus”, e ao fazer isso sabiam a quem se dirigiam (Rm. 1.7, 26; Gl. 1.1; Ef. 1.1; Cl. 1.2), portanto, se referir ao Pai por “Pai”, “Senhor”, “Deus”, não é errado como os Testemunhas de Jeová tentam dizer. É legitimo e os santos da Bíblia faziam assim, e é assim que devemos orar.

CONCLUSÃO

De tudo que foi visto até aqui fica claro que no texto original da Bíblia, tanto hebraico quanto grego, não há aprovação para a palavra Jeová, os judeus nunca pronunciaram esse nome, e a história nos mostra que a pronúncia mais provável seria Yahweh (Javé). Não sendo esta, Jeová está completamente fora de cogitação.
Assim sendo, cuidado com músicas que chama o Eterno por este nome, pois pode se está chamando outro deus. As Bíblias mais antigas ainda traziam a grafia “Jeová” no Salmo 83.18, mas hoje isso não mais acontece. Se a sua Bíblia é a versão Revista e Atualizada, você vai ver que neste versículo está a palavra SENHOR todas em maiúsculas, para mostrar que ali neste versículo está a palavra YHWH, o nome do Eterno Criador, mas como não se sabe a pronuncia correta, os tradutores colocam a palavra SENHOR de forma diferenciada.
Bem, pelo que acabamos de estudar podemos ver que Deus é identificado por vários nomes nas Escrituras, e cada nome de Deus nos mostra uma das características do Senhor. Reflita nessas características, pois elas juntas vão nos revelando quem Deus é e o seu caráter. Mas, nunca é chamado de Jeová, e o grupo que afirma que este é o nome do Criador está fundamentado em um nome inexistente. Cristo e a Igreja tratavam Deus de “Senhor” e “Pai” imitemos nossos irmãos, pois se nascemos de novo e fomos adotados na família de Deus, Ele é verdadeiramente nosso Pai.


Aprofundando

    1-  Cite dois nomes de Deus no AT. 
    2-  Cite dois nomes de Deus no NT.
    3-  Deus pode ser chamado de Jeová?
    4-  Como Cristo e a Igreja da Bíblia chamava Deus?
___________________________________________________
  *Lição publicada na revista para Escola Dominical Perguntas Intrigantes. Pedidos alianca.b@hotmail.com


10 comentários:

Rubens Rodrigues disse...

Excelente estudo!

Frankmar Corrêa disse...

Jeová Não é o nome de Deus.na verdade o Nome de Deus é Yahweh,adaptado em Português;Javé.

Frankmar Corrêa disse...

Bom estudo.mais com certeza o Nome De Deus é Yahweh, Javé me Português.

Frankmar Corrêa disse...

Penso que por se uma Pronuncia errada e hibrida os Evangélicos Não deviam usar a pronuncia Jeová.deveria sim se usar a Grafia erudita Yahweh,adaptado: Javé.pelo menos na leituras do Antigo Testamento e sermões,Hinarios e livros de escudos Bíblicos.claro que como Javé é o Nome de Deus deve ser usar esse nome com muito respeito e Nunca em vão.
devemos também lembrar que os Cristão chamavam o Deus único de Deus,Senhor e Pai.assim como fez Jesus.

Frankmar Corrêa disse...

Como a Pronuncia Jeová é Hibrida e errada.os Evangélicos Não deviam usar a pronuncia Jeová.

Defendo que os Evangélicos deviam ser usar a Pronuncia defendida pelos eruditos que é Yahweh,adaptadado para o Português:Javé,pois esta de acordo com as regras da Gramatica Hebraica e foi usada por alguns Cristão da Antiga Igreja como Clemente de Alexandria e Teodoreto.

Os Evangélicos devem usar o Nome de Javé em Hinários,livros de estudos Bíblicos,leituras e explicações do Antigo Testamento.mais com muito respeito e Nunca em vão.

Porem sabemos que a Igreja do Século I chamava o Deus único de Deus,Senhor e Pai,assim como fez Jesus.

Anônimo disse...

A King James (onde se encontra o nome Jehovah) sempre foi muito respeitada como uma boa tradução assim como os brasileiros apreciam a Ferreira de Almeida (que sempre trouxe o nome de DEUS Jeova), recentemente foi lançada a maravilhosa King James Divine Name que restabelece o nome Divino em milhares de textos, que bom ver o nome do criador ser espalhado pelo mundo, independente de pronúncia exata do nome de Deus ou de local pra adorar o Pai quer ser adorado em espírito e verdade (João 4:23)?
Não adoremos à Jesus mas sim somente ao pai que é o único Deus 1Cor 8:6, Jo 17:3!
Fiquem com Jeová.

Att,
Sr. Em transição

Frankmar Corrêa disse...

Javé é o Nome de Deus

Provas Historicas Documentadas sobre o nome de Javé.
Existe o Testemunho Historico de fragmentos da Versão dos LXX Grega encontrados em Qumran e datados do séc. I aC: o tetragrama YHWH ao invés de ser convertido para “Kyrios” (Senhor), como é o usual, é simplesmente transcrito para IAO – a forma hebraica abreviada de Javé, ou seja, “Iah”. Este termo também é usado por Diodoro Sículo (que viveu antes de Cristo). Já Irineu ( 202 dC), Orígenes ( 253 dC) e Jeronimo usaram “Iaho”. São Clemente de Alexandria ( 214 dC) usou “Iaoué”(que é pronuciado em Grego:Iaué). Epifânio ( 403) e Teodorerto de Ciro ( 438) usaram a forma “Iabé”(que é pronuciado em Grego:Iavé), de acordo com a pronúncia dos samaritanos. Por essas e outras, os competentes estudiosos garantem que o nome próprio de Deus é “Javé”(em Hebraico:Iahweh) e jamais “Jeová”.
Agora vou cita provas de conceituados dicionarios e enciclopedias que provam que JEOVÁ NÃO É O NOME DE DEUS!

”JEOVÁ Leitura falsa do hebraico, Jahweh – junção do tetragrama sagrado, YHWH com as vogais do hebraico massorético” {“Webster’s CoUegiate Dictionary”};

”JEOVÁ A pronúncia Jehovah é um erro resultante entre os cristãos por combinar as consoantes YHWH com as vogais de Adonay ou de Eloah (Deus), singular de Elohim” (Enciclopédia Britânica);

”JEOVÁ Palavra mal pronunciada do hebraico YHWH do nome de Deus. Esta pronúncia é gramaticalmente impossível. A forma Jehovah é uma impossibilidade Filológica” (“The Universal Jewish Enciclopédia” – Enciclopédia Universal judaica).

Como disse o nome de Deus Não é Jeová. o verdadeiro nome de Deus é Javé , Iahweh :em Hebraico como pode-se prova pelas regrais da Gramatica Hebraica,estudos de Teologos Cristãos e Provas Históricas de Documentos de Antigos Cristãos que escrevem o nome de Deus em Grego como Iabe que se pronuncia Iavé e Iaoue que se pronuncia Iaue que em Grego fica muito igual a Iahweh em Hebraico.isso prova que o nome de Deus é Javé Enciclopédia Judaica de 1901, Volume 12, Página 119, Afirma.


Torna-se ASSIM Possível determinar com um grau razoavel de uma Certeza de Pronúncia Histórica fazer Tetragrammaton, OS Resultados concordam com a Afirmação de ex. iii. 14, EM que YHWH termos Ele MESMO. "Eu Serei", Uma frase Opaco E imediatamente SEGUIDA Pela Mais Completa Expressão "Eu Vou Ser Que Vou Ser", ou, Como NAS versões los Inglês, "Sou eu" e "Eu sou o Que Sou." O nome é adequadamente Derivada da Raiz (=), e e considerado Como hum imperfeito This Passagem E DECISIVA parágrafo um de Pronúncia "Yahweh".; Para a Etimologia FOI, SEM Dúvida, baseado na Palavra conhecida.


A Enciclopédia Judaica, Volume 7, pagina 680, Afirma AINDA Este Fato.
A Verdadeira de Pronúncia fazer nomo YHWH Nunca FOI perdido. Vários Escritores Gregos da Igreja Cristã testemunhar Que o Nome era pronunciado "Yahweh". Isto É Confirmado, Pelo Menos Para um vogal da sílaba Primeira fazer nome, Pela forma Mais Curta Yah, o que as Vezes E USADO na poesia (POR Exemplo, Ex. 15:02) EO yahu ou yah, que servir Como a sílaba final em muitos Nomes hebraicos.

A Enciclopédia Britanica, Volume 23, Página 867, confirmação Este Fato.

Yahweh, o nome Proprio de Deus de Israel; ele é Composto de Quatro consoantes (YHWH) EM hebraico e, portanto, é Chamado o Tetragrammaton ...


Frankmar Corrêa disse...

Adoremos a Jesus porque Jesus é Deus ou seja Jesus é Javé(João 1:1).O Pai que é o único Deus 1Corintios 8:6, João17:3.porem Jesus disse que:''Eu e o Pai somos um''(João 10:30)isso significa que O Pai e Jesus são um só Deus.isso porque o Deus dos Cristão é Uno e Trino.

KING RAYZZONTM disse...

Impossível a pronúncia do nome de Deus ter sido perdida. Pois iria contra a veracidade bíblica, o que eu acho um absurdo, como Deus não poderia nem sequer manter a pureza da sua palavra? Veja os versículos:

Êxodo 3:15 "E Deus disse mais a Moisés: Assim dirás aos filhos de Israel: O Senhor Deus de vossos pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó, me enviou a vós; este é meu nome eternamente, e este é meu memorial de geração em geração."

Zacarias 13:7,8,9 "Ó espada, desperta-te contra o meu pastor, e contra o homem que é o meu companheiro, diz o Senhor dos Exércitos. Fere ao pastor, e espalhar-se-ão as ovelhas; mas volverei a minha mão sobre os pequenos. E acontecerá em toda a terra, diz o Senhor, que as duas partes dela serão extirpadas, e expirarão; mas a terceira parte restará nela. E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: É meu povo; e ela dirá: O Senhor é o meu Deus."

O nome de Deus continua vivo, e vai continuar para sempre.

Agora temos que lembrar de algo FUNDAMENTAL, que aprendemos ainda na escola, SUBSTANTIVOS PRÓPRIOS NÃO SE MUDAM E NEM SE TRADUZEM! Essa história que Javé é a forma em português para Yahveh é BALELA! Se fosse o nome do autor de um livro ninguém faria isso, mas já que foi profetizado, tem que acontecer. Jeremias 34:15,16 "...Mudaram e Blasfemaram o meu nome". As formas Javé e Jeová são descartadas por esse motivo primordial. Vale lembrar, que históricante, a letra vav (do tetragrama) tinha como pronuncia mais provável W(U) e não V. O nome IAUÉ até se aproxima do original, que é escrito YAHWEH (Iarrué), Bendito Seja Seu Nome! Paz à Todos.

JOELSON GOMES disse...

Ok, então me diz aí qual é o nome hebraico usado para Deus no AT, e me cita qual especialista em hebraico concorda. Se tu citar apenas o que tu achas que é, não vale nada. Ah, um pouquinho de estudo de hebraico e história evita de falar bobagens como essas que falastes. Volte sempre.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
NÃO PARE AQUI VÁ PARA OS TEXTOS MAIS ANTIGOS.