Páginas

Pesquisar este blog

EI VOCÊ VENHA SEGUIR TAMBÉM!

sexta-feira, 25 de abril de 2008

*APAIXONADOS PO DEUS?


"A loucura é mulher apaixonada, é ignorante e não sabe coisa alguma" (Pv. 9:13).

Paixão:
Sentimento ou alto grau de intensidade, sobrepondo-se à lucidez e a razão; inclinação afetiva e sensual intensa; afeto dominador e cego; obsessão, atividade, hábito ou vício dominador" (Dicionário Aurélio).

Vivemos a "gospelização" do meio evangélico (o comércio tomou conta de tudo), e isto é visto principalmente no meio musical. O que se tem hoje em dia na "crista da onda" são grupos de qualidade questionável, com músicas simplórias (do tipo a/b/a/b, quem sabe um pouco de teoria musical entende o que estou falando), repetitivas (passa-se 10 ou 12 minutos repetindo a mesma frase como um matra espiritual budista ou new age), sem conteúdo e pobre de arquitetura poética (é um tal de "vou te dar tua vitória" e rimar Jesus com luz e cruz que eu nunca vi). Mas, dizem alguns, pra Deus vale tudo desde que aja sinceridade. Esquecendo-se de todo aparato de qualidade musical que o Senhor preparou pra Si mesmo no templo de Jerusalém (1Cr. 25). Se Deus não desse valor a qualidade teria feito isso? E pra quem acha que o que vale pra Deus é a sinceridade uma olhada no episódio da Arca em 2Sm. 6:1-7, talvez faça mudar de idéia. O Senhor se contenta não com sinceridade apenas, mas quando as coisas são feitas de acordo com a Sua vontade.
Nessa leva de baixa qualidade, introduziu-se um elemento sacado das músicas seculares, que foi a romantização (o cara cantando "pra Deus"como se fosse pra sua amante ou namorada, uma moça disse, se meu marido falar pra mim metade dessas palavras que estão falando pra Deus, eu já estou na cama). Hoje não é dificil se ouvir: "quero teu abraço, quero teu calor, fica comigo, me dá teu colo, vem me dá carinho", e indo mais além, alguns querem se apaixonar e outros já estão apaixonados por Deus.
Bem, não se sabe se esse pessoal lê as Escrituras e não entende; ou se não dá atenção e acha que é assim mesmo, "devemos cantar o que o povo gosta, sem se importar se fere a Bíblia ou não". O texto em epígrafe é claro em comparar a paixão a alguém que não está em plenas faculdades mentais. E a psicologia mostra que a paixão está a anos luz de distância do que é amor. Paixão é algo passageiro, sem lastro, segurança, inconsciente, rápido. Do mesmo jeito rápido que a paixão vem, ela vai. Amor é diferente, amor é sentimento maduro, perene, calmo, embasado, forte. E quando entra não sai mais. Mas, a 'igreja" de hoje prefere viver uma paixão por um cordeiro que vem saltintante pelos montes, e canta esfusiada: "apaixonado, apaixonado". Paixão é desvario, estará a Noiva do Cordeiro desvairada? Queira Ele que não.

Joelson Gomes

2 comentários:

niel disse...

meu, caro amigo e irmao, deus sempre tem o seu remanescente, e sempre haverá um reformador na terra. continuo dizendo que o mundo de hoje precisa mais de lutero e calvino que na epoca da reformma. gostaria de mais pessoas inteligentes e com discernimento biblico, nesse mundo de stargospel que vivemos hoje. parabens pela lucidez de suas palavras.

Vinícius Pimentel disse...

Caro irmão Joelson,

Já há algum tempo acompanho esse debate sobre o uso da palavra "paixão" para definir o nosso relacionamento com Deus.
Realmente, sob o significado que vc postou, seria absurdo para qualquer cristão falar que está "apaixonado por Jesus".

Entretanto, dei uma olhada no Dicionáro Houaiss e encontrei outras acepções para "paixão":
5 - "sentimento, gosto ou amor intensos a ponto de ofuscar a razão; grande entusiasmo por alguma coisa; atividade, hábito ou vício dominador"
8 - "ânimo favorável ou contrário a alguma coisa e que supera os limites da razão; fanatismo"
9 - "sensibilidade, entusiasmo que um artista transmite através da obra; calor, emoção, vida"

Sob esses significados, acho que a questão ganha uma dimensão mais profunda e mais difícil de ser avaliada. Como eu sempre digo lá na comunidade de Grego Bíblico, é sempre bom não simplificar coisas que não são simples.

Em Cristo,
um abraço,
Vinícius

NÃO PARE AQUI VÁ PARA OS TEXTOS MAIS ANTIGOS.