Páginas

Pesquisar este blog

EI VOCÊ VENHA SEGUIR TAMBÉM!

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

* LUCAS 23:43, PRA ONDE FOI O LADRÃO?


Onde está o ladrão que ouviu estas palavras de Jesus? Com Cristo no Paraíso ou dormindo o sono da morte esperando Cristo voltar? O grupo religioso chamado “Testemunhas de Jeová
[1] dizem que este versículo deve ser traduzido da seguinte forma:

E Ele disse: Deveras te digo hoje: Estarás comigo no paraíso.”


Bem, seguindo o conselho das próprias “Testemunhas” no seu livro “A Verdade que Conduz à Vida Eterna”:

"Precisamos examinar não só o que nós mesmos cremos, mas também o que é ensinado pela organização religiosa com que talvez nos associemos. Estão os seus ensinos em plena harmonia com a Palavra de Deus ou baseiam-se em tradições de homens? Se amarmos a verdade, não precisaremos temer tal exame. Cada um de nós deve ter o desejo sincero de aprender a vontade de Deus para nós e depois faze-la- João 8:32".
[2]


Assim, vamos então examinar mais atentamente o nosso texto.


a) Contrariamente a todos os textos do Novo Testamento grego reconhecidos no mundo, estas pessoas acham que se deve tirar a vírgula de depois da palavra digo, e colocar dois pontos depois da palavra hoje. Fazendo Jesus dizer que estava falando “hoje”, que um dia ladrão estaria com Ele no paraíso. E não que Jesus disse que o ladrão estaria com Ele naquele mesmo dia.


b) Durante toda história da Igreja este texto ensinou que o ladrão estaria com Jesus naquele mesmo dia, mas estes grupos religiosos acham que todo mundo estava errado, e eles descobriram a verdade. Será? Ora, se Jesus quisesse dizer que o ladrão estaria com ele no paraíso só no final dos tempos, quando Ele voltasse, porque Jesus usou a palavra “hoje”? Ninguém fala: “Olha, eu te digo hoje: vou almoçar com você; eu te digo hoje: você está bonita; eu te digo hoje: vou estar contigo domingo”. A palavra hoje nesses casos é supérflua, sem sentido. E Jesus não falava assim. Não se fala assim hoje, nem era modo de falar do idioma grego da época de Cristo.


c) Mas nós temos como tirar a prova. Esta expressão: “Em verdade te digo” foi muito usada por Jesus e para descobrir como Jesus falava é só dar uma olhada em todas as vezes que ele empregou esta frase. Observe:


a) Mateus: 5:18, 26; 6:2, 5, 16; 8:10; 10:15, 23; 11:11; 13:17; 18:13, 18; 21:31; 23:36; 24:47; 25:12, 40, 45.
b) Marcos: 3:28; 8:12; 9:1, 41; 10:15, 29; 11:23; 12:43; 13:30; 14:9, 18, 25, 30.
c) Lucas: 4:24-25; 12:37; 23:43.
d) João: 1:51; 3:3, 5, 11; 5:19, 24-25; 6:26, 32, 47, 53; 8:34, 51, 58; 10:1, 7; 12:24; 13:16, 20-21, 38; 14:12; 16:20, 23; 21:18.


Em todas as ocorrências desta expressão (em verdade te digo) nos evangelhos Jesus nunca diz: “Em verdade te digo hoje”, Ele sempre diz: “Em verdade te digo” e o que vem depois é sempre o complemento. Assim, Lc. 23:43 deve ser: “Em verdade te digo, hoje estarás comigo no paraíso”. Se Jesus sempre falava de uma maneira, porque Ele iria mudar só aqui em Lucas colocando uma palavra “hoje” fora de lugar, falando de um jeito que se mudar a pontuação a frase fica sem sentido? Não posso mudar a pontuação de um versículo para que ele se encaixe na minha doutrina. A pontuação de Lc. 23:43 não foi colocada ao acaso, ela foi posta observando como Jesus usava a expressão: “Em verdade te digo”, e Ele sempre usava a mesma de uma só forma, portanto, a palavra “hoje” não faz parte da primeira sentença, mas da segunda. O hoje não é o dia em que Jesus está falando, pois o ladrão sabia que Jesus estava falando naquele dia, não precisava Jesus dizer. O hoje se refere ao dia no qual o ladrão estaria no paraíso com Jesus. Assim, naquele dia os corpos dos dois foram para a sepultura, mas seus espíritos/almas para o paraíso.

CONCLUSÃO

Assim, o ensino que a alma do ser humano morre não é bíblico nem evangélico, o ser humano tem uma parte que sobrevive a morte do corpo, e é essa parte que vai estar com o Senhor quando o ser humano deixa este planeta. Então, conservemos íntegros os nossos corpos e espíritos para o Dia do Senhor quando havemos de prestar contas de todos os nossos atos por meio dos mesmos.


NOTAS
___________
[1] Os Adventistas do 7° Dia pensam de maneira semelhante.
[2] New York: International Bible Association, 1968. p. 13 (Grifo meu).

Joelson Gomes

27 comentários:

Eduardo disse...

Meu irmão paz do senhor!!!!
Estava fazendo uma pesquisa e por acaso caiu no seu blog....
não pude deixar de notar seu estudo sobre Jesus e o ladrão.
Bom Só tem um problema se eu for estudar a biblia com este contexto
ela vai se contradizer sabe por que vou esplicar...

QUE É O HOMEM?
O homem, esse ser maravilhoso, feito um pouco menor que os anjos, tem sido objeto de muitas especulações quanto à sua estrutura. E perguntas como – O que é o homem? Tem ele uma alma? Sai dele, quando morre, uma entidade abstrata que vai se incorporar em outro ser, racional ou irracional? Estas são indagações cotidianas.
Para essas perguntas, a Bíblia somente tem a resposta, e nós a estudaremos para descobrir a verdade a respeito. O primeiro passo é sabermos o que é o homem. A Bíblia diz:
Gênesis 2: 7 – “E formou o Senhor Deus o homem do pó da terra, e soprou em
seus narizes o fôlego da vida, e o homem foi feito alma vivente.”
(Isa. 29:16; 45:9; I Cor. 15:45).
Veja como é simples: Deus uniu dois elementos: Boneco de barro e fôlego de vida, o que resultou em uma alma vivente,ou seja: um ser vivente, e este ser vivente só existirá através da junção destes dois elementos que o trouxeram à existência, isto é: corpo (boneco de barro) e fôlego de vida.
Para você entender claramente, observe o seguinte:

• A luz elétrica é a resultante da união de dois elementos: energia ou corrente elétrica, mais a lâmpada. Desta união, temos a brilhante luz.
“O conceito de vida imediatamente após a morte jamais foi apresentado na parte hebraica ou grega da Bíblia. Originou-se com a filosofia grega e penetrou no judaísmo no período helenista (entre o quarto e o primeiro séculos antes de Cristo). Os fariseus assimilaram de fontes gregas a doutrina da imortalidade da alma. Essa doutrina veio para dentro da Igreja Cristã principalmente por influência do autor judeu Filo e os teólogos cristãos de Alexandria: Clemente (cerca de 150 a 215 d.C.) e Orígenes (cerca de 185 a 254 d.C.). A doutrina da imortalidade da alma é a base do espiritismo e também da filosofia da Nova Era.” – Lição da Escola Sabatina, nº 12, pág. 2, – l5/9/1996.

DEPOIS DA MORTE, O QUE SOBRA?
MORTALIDADE da alma tem sido um assunto divergente entre a cristandade, embora seja claro na Bíblia. Antes da mistura do paganismo com o cristianismo, não se cria que os santos ao morrerem iam para o Céu.
A origem da natalidade aconteceu com a ordem de Deus: “...multiplicai-vos e enchei a Terra...” (Gên. 1:28). A mortalidade, porém, lamentavelmente se deu, quando o homem desobedeceu a ordem expressa do Criador, dando ouvidos à serpente, representante de Satanás.
Quando criados Adão e Eva, foi-lhes oferecido para habitação um lindo jardim. De todas as árvores frutíferas poderiam utilizar; inclusive do fruto da árvore da vida, para que este lhes prolongasse a existência. O Senhor, porém, submeteu-os a um teste, proibindo-lhes tocar no fruto de uma determinada árvore que estava no centro do jardim. Representava a Lei de Deus, a vontade divina. Tocar ou não naquela árvore, revelaria a linha de conduta do casal. E então a voz de Deus ecoou:

Gênesis 2:17
“Mas da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás.”
Satanás, porém, referindo-se a este fruto, afirmou categoricamente:
Gênesis 3:4 – “CERTAMENTE NÃO MORRERÁS.”
Esse é o contexto da biblia voçê morre o que é morrer pra voçê... veja os dicionarios e na biblia.
Mas resumindo se voçê pregar essa doutrina voçê esta pregando que a alma do homem é imortal mas a biblia fala que só tem um que é imortal.....
I Timóteo 1:17; 6:16
“Ora, ao Rei dos séculos, imortal... Aquele que tem, Ele só, a imortalidade...”
Se só Deus é imortal, Suas criaturas, evidentemente, são mortais.
A imortalidade que o homem possuia antes de pecar era derivada de Deus. Tinha-a ao comer do fruto da árvore da vida, enquanto obedecesse ao Senhor. Mas, quando deu ouvidos à serpente, transgrediu, tornando-se, portanto, mortal. É o que ensina a Bíblia. E, ao morrer a pessoa, a Bíblia responde:

Eclesiastes 12:7
“E o pó volte à terra, como era, e o espírito volte à Deus, que o deu.”
Isto é: o corpo (matéria), que é barro, volta ao pó, mas o fôlego de vida (aqui traduzido por espírito), volta a introduzir-se em Deus, que é o grande autor da vida. E, o que acontece? Simples: o homem deixa de existir.

IMORTALIDADE! QUANDO?
Imortalidade X Ressurreição
(Quem sustentar uma doutrina, terá que rejeitar a outra)


REFLEXÃO
• Se a doutrina da ressurreição é plano de Deus, é evidente que a vida só será devolvida ao morto nesta ocasião, e não na hora de sua morte. Isaías 26:19.
• Se o homem permanecesse consciente após a morte, ou se lhe saísse
algo (alma/espírito) que vivesse em algum lugar, o que seria ressuscitado?
• “Quando isto que é mortal se revestir da imortalidade” (I Cor.15:54). Se a alma fosse imortal, qual a necessidade de se revestir de imortalidade?

Amado, pergunte-se:
Para quê o corpo será ressuscitado? Por quê o corpo será ressuscitado?
A “alma” vai deixar o Céu, onde tudo é tão maravilhoso e voltar à Terra para apossar-se do corpo e retornar ao Céu?
Não é muito mais fácil aceitar que o fôlego de vida vai a Deus e deixar que Ele cumpra o que prometeu?
Ao Céu irá, sim, apenas quem ressuscitar ou for trasladado, mas..., depois da glorificação!
A glorificação tem data marcada – a volta de Jesus!
Que Deus esteja com todos nos e nos de sabedoria da tua palavra.

luciano disse...

é um absurdo o que esse cidadao postou fazendo uma analogia sem logica dentro dos ensinos das escrituras pois morte da alma em relaçao a imortabilidade ea ressurreiçao tem explicaçoes simples e objetivas nas escrituras em primeiro lugar Deus é a propria vida qualquer ser loge Dele esta morto isso significa que adao morreu no ato do pecado pois se afastou de Deus como tambem todos nos segundo paulo em efesios 2:1,5 a em relaçao de Deus permitir o sofrimento é só olhar ao seu redor e sobre a mortabilidade da alma sim se o distino se der longe de Deus que é a propria vida mas estarao em um lugar de tormento segundo varios textos da biblia e em sepecifico apocalipse 20:10

Rafael disse...

Não podemos basear nossa opinião pela tradição das igrejas, pois foi essa quem crucificou Cristo.

Então, para quem que estudar um pouco mais sobre o assunto, veja o seguinte link:
http://www.azenilto.com/10-p-LUCAS-23-43.html

Deixo uma pergunta: se formos imediatamente para o céu ou inferno, para que servirá o julgamento final? Por que será necessária a volta de Cristo?
Simples, não?

Que a paz do Senhor esteja com todos nós!

Mércia disse...

Olá amados,falando nisso com respeito a aparição no monte da transfiguração de moisés,que a biblia afirma que o proprio Deus o sepultou, se sepultou pq o mesmo havia morrido. E agora ? no caso de Elias tudo bem !!! Ele foi transladados aos céus, sem experimentar a morte.Mas e Moisés?Particularmente não creio na imortalidade da alma,mas alguns assuntos precisamos esclarecer.presupondo do ponto em que, o proprio Deus não quebraria suas Leis. A paz de Cristo!!!

mauricio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JOELSON GOMES disse...

Oi Marcia, é isso mesmo. Alguns que ensinam algumas doutrinas estranhas ao Cristianismo e ao Protestantismo devem explicar as mesmas a luz da Biblia, o que no caso em foco, sempre deixam a desejar. Alguns citam outras traduções deste texto de Lucas, mas esquecem que temos que ver como está no grego, não como traduziram. E ao olharmos as expressões de Jesus e o fato de Moisés na transfiguração não deixam dúvidas, existe vida para os que nos deixaram sim, e vida consciente.A Biblia nunca ensinou a morte da alma.

Jaime disse...

Amigo, deixa ver se percebi:

1- Quando Jesus morreu [foi para o paraíso], a terra tremeu violentamente e o sol escureceu. Será?

2- Aí Jesus ressuscitou no 3º dia. Retornou do paraíso, foi?

3- João 20:14 - Jesus, depois da ressurreição, falou a Maria: "Pára de agarrar-te a mim. Porque ainda não ascendi para junto do Pai."

Hummmmm.... Amigo, te digo hoje: Isso, sim, não faz sentido!

Rossine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
David disse...

A Paz do Senhor!
Queridos, a respeito da parabola do rico e de Lazaro, que o Senhor chegar a dar nome proprio, uma coisa que não há nas outras parabolas, mostrando a realidade do mundo espiritual, e por que joão teve a visao dos martires no apocalispe.
Seguir uma linha de pensamento que vem para nossa propria conveniência( pois o mundo foge da relaidade do inferno) é um perigo. Povo de Deus!
Temei a Ele pois Ele Alem de matar o coprpo pode lançar a alma no inferno onde o bicho nunca morre e o fogo nunca se acaba

David

Rossi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joelson Gomes disse...

Voltando ao assunto, não temos como fugir do óbvio, o jeito de falar de Jesus provado com a citaçao de TODAS as ocorrências da expressão: "em verdade te digo", Cristo sempre falou assim , n podemos mudar ao nosso bel prazer. Quanto ao Cristo dizer no encontro com a mulher após ressuscitado que ainda não havia subido ao Pai, isso é claro, Ele não havia ainda subido em corpo glorificado, n se trata de em espirito. Ressurreição é isso, a volta da vida ao corpo, o que acontecerá no julgamento final, mas lembremos de que estamos falando do aspecto espiritual entre a morte e o julgamento final.

Anônimo disse...

Não podemos afirmar que os mortos estão dormindo,esperando a vinda de jesus,não é so isso não vou colocar aqui minha interpretação biblica pois sempre a discordancia então leia a biblia e se vc tiver um fragmento de duvida vc não esta certo ,não va pela ideia de ninguem estude bastante que DEUS te da entendimento,estude como estivesse se preparando pra um vestibular que o ESPIRITO SANTO te da mais entendimento,isso não cai do ceu

HUDSON GOMES disse...

Pergunta interessante para ser pesquisada na bíblia: Se Jesus disse: -"Deveras te digo, hoje estarás comigo no paraíso". Por que então ele esteve na condição de morte por 3 dias?
*Mateus 27:50 à 28:6 (ênfase no 27:63)
*Atos 17:30 e 31
*Marcos 8:31
*Mateus 16:21
*

jrsandrade disse...

caros amigos e irmãos,

Bem para início de conversa, a Bíblia quando escrita, não tinha as pontuações que tyemos hoje, portanto, a depender da mudança da pontuação, como no caso acima citado, podemos sim mudar algumas situações. Como por exemplo: a promessa ser dada hoje, para um dia futuro, como afirmam alguns ou a promessa ser dada hoje, para hoje mesmo como afirmam outros. Vamos lá!
João 20:17 JESUS diz diz ainda não ter subido ao PAI, isto já era o 3º dia após a sua morte (Hora, crer que o corpo estava aqui e o espírito no céu fica muito complicado)
Atos 1:1-3 afirma que JESUS ficou aqui na terra 40 dias com os discípulos antes de ir para o céu.
João 19:31-33 Dá a entender que o ladrão estava vivo quando foram retirá-lo da cruz, pois quebraram as pernas dele e do outro companheiro e de JESUS não, pois JESUS já estava morto. (Hora, se não quebraram as pernas de JESUS, porque estava morto e quebraram as pernas dos outros dois ladrões é porque eles ainda estavam vivos, se o ladrão estava vivo, como poderia estar com JESUS no Paraíso?).

Quanto a questão da alma devemos lçevar em consideração também o que já foi citado acima que alma é a junção ou soma de dois elementos (pó da terra + fôlego de vida), Foi citado que alma não morre, então como explicar Ezequiel 18:20 que diz "A alma que pecar, esta morrerá..." Se a alma não morre, então não morre nenhuma, nem a dor que crer e nem a do que não crer, logo, chegaríamos a conclusão, se assim fosse que a serpente no éden estaria certa quando afirmou a Eva "certamente não morrerás", porém, a verdade está com o SENHOR nosso DEUS, que disse, se comer "pecar", morre!
Que a graça do SENHOR JESUS encontre lugar em nossos corações!

JOELSON GOMES disse...

"Quanto a questão da alma devemos lçevar em consideração também o que já foi citado acima que alma é a junção ou soma de dois elementos (pó da terra + fôlego de vida), Foi citado que alma não morre, então como explicar Ezequiel 18:20 que diz "A alma que pecar, esta morrerá..." ".

1- Caro leitor, não se pode usar este texto como prova, pq antes de usá-lo deve-se entender que o autor usa o termo alma aí como se referindo a pessoas, aí pessoas morrem. Mas, nem sempre é assim, observe Gn. 38.18, aí o autor biblico usa o termo para algo que está na pessoa e sai quando a pessoa morre. Então olhe o contexto.

2- Quanto ao fato de os joelhos dos ladrões serem quebrados, eles foram justamente para apressarem a morte, para que eles morressem naquele mesmo dia como Jesus, pois teriam que tirá-los da cruz sem deixar pq estava começando a Páscoa.

3- Para saber se alma morre ou não leia: http://gracaplena.blogspot.com/2009/08/para-onde-vao-os-mortos.html

Anônimo disse...

A paz do Senhor Jesus! Amados irmãos meu nome Fagner não querendo contradizer nenhuma das teorías mas querendo deixar uma pergunta? estudamos tanto a biblia e entendemos que Deus é infinito, ou que é relativo o tempo de Deus pois um dia pra Deus pode ser mil anos pra nós ou vocês não crer nisto? no caso do ladrão e a ida de Cristo Jesus para o paraíso se eu analizar como homem falho e limitado que sou a controversias, mas se eu analizar isto em espírito vou simplesmente perceber que o dia de Deus ainda não tnha acabado apesar de ter passado três dias aqui na terra deve ter passados alguns minutos ou horas no mundo espiritual! E o hoje de Deus não cabe a criatura determinar quanto tempo deve durar ou estou errado em pensar e crer nisto????

stange disse...

explicação boa de português ,.,.,. mas se Jesus foi ao paraiso com o tal malfeitor da cruz logo após sua morte como voçe me explica esse versiculo João 20:11-12-13-14-15-16-17 .,ali ja tinha se passado 3 dias .,e o malfeitor onde estava??? se Jesus não tinha subido aos céus ainda.e lembre-se que voçe deu a explicação de que naquele mesmo dia os 2 estariam no paraiso .,como isso pode ser?ou Jesus estava mentindo,que eu creio que não é verdade isso .,. ou vç não entendeu a história., vç acha que Jesus está mentindo ???

JOELSON GOMES disse...

Acho que vc confundiu Stange. O texto que vc me cita tem palavras de Jesus ressuscitado e é claro que ressuscitado em corpo glorioso Ele ainda não tinha voltado DEFINITIVAMENTE para o Pai. Agora quando Ele fala em estar no paraiso com o ladrão salvo (Lc. 23.43), não é em corpo glorioso, mas em espirito. Assim, antes de subir definitivamente em corpo ressurreto, Cristo subiu em espirito (aliás nesse estado e sendo Deus Ele n tem limitação de espaço, isso é apenas linguagem figurada) e foi aí que o ladrão salvo com Ele tb subiu.

Unknown disse...

Fico abismado que,em pleno século XXI, o homem ainda crê na bíblia...
Gente...é tudo conto de fadas,ilusão!A bíblia é tão fantasiosa qto as histórias de Monteiro Lobato e seus personagens!
Foi o homem que inventou Deus,não o contrário!Vamos pensar!!Vamos usar a cuca,por favor.....

Anônimo disse...

olá pessoal sou gilmar.
a este que se diz o "epert" e diz que a biblia e fantasia te pergunto: se você não acredita em Deus e na sua palavra não perca seu tempo entrando em dialogos referentes ao Senhor pois eu não perco o meu tempo nem em pregar para pessoas com a vossa opinião .

WalterhSalles disse...

Amigo vejo que voçê nunca leu Ezequiel 18:4

JOELSON GOMES disse...

Oi Walther, e eu vejo que vc nunca leu Gn 35.18. Nunca ache que a palavra alma tem o mesmo significado em todos os lugares na Biblia, esta palavra deve ser interpretada de acordo com o contexto. Em Ez 18.4 ela está significando a pessoa, em Gn 35.18 ela significa uma parte que sobrevive a morte da pessoa. Quando a pessoa morre ela sai. Portanto, observe o contexto sempre.

WalterhSalles disse...

Joelson Gomes meu comentário em que parece que o amigo nunca leu Eze. 18:4 e devido ao fato que em seu comentário você afirma que a Biblia não fala na morte da alma, e nesse versiculo fica claro que a alma que peca morrerá.

Em relação ao seu comentário em que a palavra "alma" tem outros significados dependendo do contexto, comcordo com você.

Na verdade a palavra "alma" ou "almas" tem basicamente 3 significados.

(1) pessoas (2) animais (3)a vida de uma pessoa ou animal. Vejamos alguns textos em que esses três diferentes sentidos ocorrem.

PESSOAS "Nos dias de Noé ... poucas pessoas, isto é, oito almas, foram levadas a salvo através da água" ( 1 pedro 3:20) a qui a palavra "almas" claramente se refere a pessoas - Noé e sua esposa, seua três filhos e suas esposas. êxodo 16:16 mensiona as instruções dadas aos israelitas a respeito do recolhimento do maná. foi-lhes dito: "colhei... segundo a número de almas que cada um vós tem na sua tenda." Portanto, a quantidade de maná que se recolhia baseava-se no número de pessoas em cada familia. Outro exemplos biblicos da aplicação de "alma" ou "almas" a uma pessoa ou pessoas encontram-se em Genesis 46:18, Josué 11:11. Atos 27:37 e Romanos 13:1

ANIMAIS: No relato biblico da criação, lemos: "Deus prosseguiu, dizendo: Produzam as águas um enxame de almas viventes e voem craturas voadoras sobre a terra, na face da expansão dos céus. E Deus prosseguiu, dizendo: Produza a terra almas viventes segundo as suas espécies, animal doméstico, e animal movente, e animal selváticoda terra, segundo a sua espécie. e assim se deu. (Gênesis 1:20,24)Nesse texto, peixe, animais domésticos e selvagens são todos englobados na mesma palavra - "Almas". As aves e outro animais são chamados de almas em Gênesis 9:10 Levitico 11:46 e Números 31:28

VIDA COMO PESSOA: Ás vezes, apalavra "alma"significa a vida que se usufrui como pessoa. Jeová disse a Moisés: "todos os homens que estavam à caça da tua alma estão mortos" (Éxodo 4:19) O que os inimigos de Moisés caçavam? Eles procuravam tirar a vida de Moisés. Bem antes disso, quando Raquel estava dando à luz seu filho Benjamim, "a sua alma partia ( porque estava morrendo". (Gênesis 35:16-19) Naquela ocasião, Raquel perdeu a vida. Cosidere também as palavras de Jesus: Eu sou o pastor excelente; o pstor excelente entrega a sua alma em benefício das ovelhas."(João 10:11) Jesus deu a sua alma, ou vida, em favor da humanidade. nesses textos biblicos, a palavra "alma" claramente se refere à vida como pessoa. Você encotrará mais exemplos desse sentido da palavra "alma" em 1 Reis 17:17-23; Mateus 10:39; João 15:13 e Atos 20:10

Por emio de um estudo mais detalhado da Palavra de Deus, você verá que em nenhum lugar na Bíblia inteira os termos "imortal" ou "eterno" tem ralção com a palavra "alma". Em vez disso, as Escrituras dizem que a alma é mortal, o que significa que ela morre (Ezequiel 18:4,20)De modo que, na Bíblia, a pessoa que morre é chamada simplesmente de "alma morta" Levítico 21:11

JOELSON GOMES disse...

Interessante. Veja o que uma leitura apressada pela ótica Adventista ou Jeovista não é capaz de fazer. Se a alma/espirito é algo mortal quando ela morre? Porque quem mata o corpo não pode matar a alma? (Mt. 10.28)O que fazer com ALMA DOS QUE MORRERAM VIVINHAS DEBAIXO DO ALTAR vistas por João? (Ap. 6). Ah vc vai dizer que isso é simbólico, mas a sua denominação não considera como simbólica toda a escatologia aberrante que fazem com Daniel e Apocalipse. É simbólico apenas quando convém. Com esse tipo de leitura se faz da Biblia qualquer coisa. Volte sempre.

Itard Víctor disse...

Gostaria que os amigos aniquilacionistas e psicopaniquitas um artigo que escrevi acerca do assunto.


http://apologia7biblica.blogspot.com.br/2014/11/uma-breve-resposta-exegetica-ao-artigo.html

Toninho Barboza disse...

Quando Jesus falou que não subiu para pai, ele se referia ao corpo ressurreto.

Jonatas Duarte disse...

Eu gostei muito de seu estudo. Mas está discussão vem desde a época de Jesus entre os zelotes e fariseus.
Na verdade nossa preocupação é vivermos o eterno hj aqui no presente e é isto q Deus vai nos cobrar do que fizemos em prol do seu Reino no agora.

NÃO PARE AQUI VÁ PARA OS TEXTOS MAIS ANTIGOS.